sábado, dezembro 24, 2011

terça-feira, dezembro 20, 2011

Deu no Observatório da Imprensa

PAUTA ACRIANA
O Brasil não conhece o Brasil
Por Luciano Martins Costa em 20/12/2011 na edição 673


Na semana passada, o portal G1, do grupo Globo, enviou a Rio Branco, no Acre, uma repórter para documentar o que seus editores consideravam uma curiosidade digna de suas telas: a inauguração do primeiro grande shopping center da cidade. A jovem cumpriu a encomenda com disciplina: o texto, intitulado “Primeiro shoping muda hábitos da população do Acre” é um primor de jornalismo provinciano: aquele que, embora produzido a partir de um ambiente cosmopolita, enxerga apenas uma fração do objeto analisado, reforçando ideias preconcebidas.

A jornalista tomou um táxi no Hotel Terra Verde, se deslocou até o centro de compras, onde realizou as entrevistas, depois conversou com lojistas da cidade, escreveu sua reportagem e passou horas no saguão do hotel lendo os comentários dos leitores.

A reportagem deu curso a uma sucessão de manifestações preconceituosas contra as populações do norte e do nordeste do país, revelando que o brasileiro não conhece o Brasil.

O texto da jornalista, correto do ponto de vista da pauta que lhe foi encomendada; revela, porém, certos vícios do jornalismo brasileiro contemporâneo: a ênfase no aspecto comercial, a obsessão por infográficos e estatísticas e nenhuma sensibilidade para contextos sociais e culturais envolvidos com o tema.

Só curiosidade

Se tivesse saído um pouquinho da rota traçada por seus editores, a repórter teria descoberto uma cidade interessante, provavelmente a capital do país que mais mudou nos últimos vinte anos, transformando-se de uma aldeia lamacenta em uma cidade vibrante, alegre, cheia de novidades e que, no entanto, preserva muito de suas características tradicionais.

Se tivesse parado para olhar os acrianos (com “i”, segundo o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa, conforme lembra o texto), a repórter teria conhecido o estado mais republicano do Brasil, onde as crianças aprendem o hino nacional e o hino do estado, conhecem a bandeira nacional e a do estado – sem, no entanto, o aspecto separatista e xenófobo que caracteriza outras regiões do país.

Teria observado que em Rio Branco, a capital, pode-se acessar a internet gratuitamente em vários locais públicos, como praças; que há mais bibliotecas públicas, proporcionalmente à população, do que em qualquer outra capital; que há mais semáforos com temporizador do que em São Paulo e que o sistema de trânsito foi planejado recentemente levando em conta o fenômeno do crescimento das cidades médias e as mudanças de hábitos de uma população tipicamente rural. E que a mudança de hábitos é causada pelas transformações ocorridas nessas cidades, não pela inauguração de um shoping center.

A reportagem sobre o shoping acabou sendo apenas isso: uma curiosidade. Mas poderia ter sido uma oportunidade para mostrar aos brasileiros a gente que habita esse pedaço de terra que foi grudado ao território nacional pela vontade dos acrianos.

Destaque 2011




Mesmo tardiamente fica o registro da homenagem a este modesto apresentador e deputado estadual por ocasião da festa dos Destaques 2011. Como sempre , o evento realizado por Rubedna Braga foi perfeito. O fechamento aconteceu com o show de Patrick Dimon.

Governo vai legalizar terrenos e melhorar infra-estrutura do Caladinho



RUTEMBERG CRISPIM

Uma boa notícia para as famílias que moram no Caladinho. O deputado estadual Edvaldo Souza (PSDC), recebeu do governador Tião Viana, a garantia que até abril de 2012, todos os moradores do bairro receberão o título de finitivo de seus terrenos. Isso significa que eles vão sair da ilegalidade.
Além disso, atendendo solicitação do parlamentar, Tião Viana garantiu a realização de obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), garantindo a melhoria da qualidade de vida das famílias que ali moram.
“Sabemos das necessidades daquelas famílias. Fomos até o governador Tião Viana pedir por elas. Ele nos garantiu que nossas reivindicações serão atendidas, com os moradores recebendo o título definitivo de seus terrenos e a realização de obras para melhorar a infra-estrutura do bairro. Um grande presente para quem antes vivia no completo abandono”, comemorou.
Edvaldo Souza considera imprescindível a garantia do Governo do Estado que aquelas famílias não serão retiradas de suas casas, além da certeza da realização de obras para garantir o saneamento básico.
“Ali moram crianças, jovens, adultos e idosos. Pessoas que não tinham onde morar e lutaram por aquele pedaço de terra. Esse gesto do governo tem um significado espe-cial e garante a inclusão social daquelas famílias”, destacou.
De acordo com Edvaldo Souza, o governador Tião Viana garantiu que até abril de 2012 os moradores do Caladinho vão receber o título definitivo de seus terrenos. Também ficou acertada a realização de obras no bairro.

Fonte: Jornal A GAZETA

domingo, dezembro 18, 2011

Natal iluminado

PSDC reúne pré-candidatos em Plácido de Castro





Representantes da Executiva Estadual do Partido Social Democrata Cristão acompanhados dos deputados Edvaldo Souza e Eber Machado estiveram durante o final de semana reunidos com lideranças da agremiação em Plácido de Castro onde juntamente com os pré-candidatos a vereador debateram as ações que deverão ser colocadas em prática rumo as eleições do próximo ano.

O presidente do PSDC no município, Fite da Silva, garantiu que todos estão unidos em prol do mesmo objetivo. “Nosso município precisa urgentemente de mudanças e de novas lideranças.

Em seu discurso o deputado Edvaldo Souza, parlamentar mais bem votado em Rio Branco, afirmou que é importante a união de todos para que os objetivos sejam alcançados e elogiou a união e a decisão do grupo em Plácido de Castro.

O PSDC está forte e coeso no interior do estado. O partido está instalado em 22 dos municípios acreanos e deve contar com mais de 200 candidatos a vereador.

Após o encontro com os pré-candidatos no município de Plácido de Castro um lanche foi servido a todos os participantes

( Assessoria)

Goleada do Barcelona


Acordei cedo hoje para assistir ao jogo do Santos contra o Barcelona. O que vi foi um time completamente apático e com medo do adversário. O Barcelona, como se diz na gíria do futebol, deitou e rolou. Os jogadores santistas apenas olhavam. O excelente Neymar não teve nem um lampejo do excelente jogador que é. O Santos foi completamente dominado. Resultado final quatro a zero.

Deu no jornal A Tribuna


Edvaldo Souza defende moradores do Caladinho e legalização de lotes


17/12/2011 - 17:55:35


Preocupado com a situação vivida pelos moradores do bairro Caladinho, onde residem famílias extremamente pobres e que dependem dos programas sociais desenvolvidos pelo governo do Estado, o deputado estadual Edvaldo Souza (PSDC) se reuniu com o governador Tião Viana, semana passada, a quem pediu uma série de melhorias para o bairro.


Durante a audiência, Edvaldo Souza solicitou ao governador que a situação da área ocupada pelas famílias seja legalizada e que títulos definitivos sejam dados para quem já reside no local.Para Edvaldo Souza, é imprescindível que os moradores do bairro tenham a garantia de que não vão ser retirados da área que em épocas passadas foi fruto de uma ocupação.


O deputado pediu ao governador Tião Viana que o bairro Caladinho seja contemplado com obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). “O saneamento básico é importante como também a abertura e calçamento de ruas’’ afirmou o deputado que é líder do PSDC na Assembléia Legislativa.O governador Tião Viana garantiu que todas as reivindicações do parlamentar serão atendidas e elogiou a lucidez e a postura de Edvaldo Souza no trato com as questões sociais.


Tião Viana disse ainda que no máximo até abril do próximo ano todos os moradores do Caladinho receberão o título definitivo de seus lotes como também serão beneficiados com as obras do PAC.

sábado, dezembro 10, 2011

Em defesa dos idosos


O Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa – CEDI em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social, realizaram inicialmente uma oficina de capacitação dos Conselheiros Estaduais e Municipais, com o objetivo de desempenharem a contento suas atividades nas Conferências Regionais e Estadual.
O objetivo geral das Conferências Regionais foi debater temas relevantes para o campo do envelhecimento, assim como os avanços e desafios da Política Nacional do Idoso, na perspectiva de sua efetivação.
Outros objetivos foram sensibilizar a sociedade para o contexto de envelhecimento da população acreana, mobilizando a população idosa, para a conquista do direito ao envelhecimento com dignidade, bem como, fortalecer o compromisso dos diversos setores da sociedade e do poder público com o atendimento, a defesa e a garantia dos direitos da pessoa idosa, indicando prioridades de atuação para os órgãos governamentais, nas três esferas de governo municipal, estadual e federal.
As Conferências foram organizadas em quatro eixos:
I – Envelhecimento e Políticas do Estado: pactuar caminhos intersetoriais;
II – Pessoa idosa: protagonista da conquista e efetivação dos seus direitos;
III – Fortalecimento e integração dos Conselhos: existir, participar, estar ao alcance, comprometer-se com a defesa dos direitos dos idosos e,
IV – Diretrizes Orçamentárias, Plano Integrado e Orçamento Público da União, Estados, Distrito Federal e Municípios: conhecer para exigir; exigir para incluir; fiscalizar.
Assim com os objetivos e eixos acima elencados, foram realizadas as Conferências Regionais, distribuídas em cinco regiões VALE DO JURUÁ - Municípios de Cruzeiro do Sul, Thaumaturgo, Porto Walter, Mâncio Lima e Rodrigues Alves, ENVIRA - Municípios de Tarauacá, Feijó e Jordão , PURUS - Municípios de Sena Madureira, Manuel Urbano e Santa Rosa do Purus , ALTO ACRE - Municípios de Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia e Xapurí, BAIXO ACRE – Municípios de Acrelândia, Bujarí, Capixaba, Plácido de Castro, Porto Acre, Rio Branco e Senador Guiomard, no período de 04 de julho a 05 de agosto de 2011.
Salientar-se que participaram dessas conferências, pessoas de diferentes origens, com conhecimentos diferenciados sobre as questões, ou sejam: pessoas idosas, representantes dos idosos, técnicos e gestores das políticas. Foram convidados as lideranças locais de grupos, entidades e associações de idosos para identificar e conversar sobre as necessidades locais relacionadas à política dos idosos.
Insta salientar que foram eleitos durante as Conferências, 08 (OITO) delegados para Rio Branco, 08 (OITO) para Cruzeiro do Sul e 04 (QUATRO) delegados por município participante, com direito a voz e voto na Conferência Estadual.
Após o relatório das Conferências Regionais, as propostas deliberadas nos municípios foram consolidados para debates na III Conferência Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa, com o tema “O compromisso de todos por um envelhecimento digno no Brasil” a realizar-se no dia 26 de agosto de 2011, no Auditório do prédio novo da OAB/Acre, situado na Rua Ilmar Galvão s/nº após os prédios do Tribunal Regional Eleitoral –TRE e Justiça Federal na via verde.
Derradeiramente, as propostas/deliberações de cunho local municípios serão encaminhadas ao Excelentíssimo Senhor Prefeito da respectiva cidade para conhecimento e providências cabíveis, as propostas/deliberações de cunho regional ou estadual, serão encaminhadas ao Excelentíssimo Senhor Governador do Estado do Acre para conhecimento e providências que se fizerem necessárias e finalmente as propostas que responderem a uma questão nacional, caso aprovadas na plenária final estadual, deverão ser encaminhadas para a Conferência Nacional, a ser realizada nos dias 23, 24 e 25 de novembro de 2011, em Brasília-DF.

quarta-feira, dezembro 07, 2011

Deu no página 20


Edvaldo Souza enaltece trabalho de extensionistas



Uma sessão solene a pedido do deputado Jonas Lima (PT) marcou ontem na Assembleia Legislativa o Dia do Extensionista Rural.


Dezenas de profissionais da área participaram da sessão, entre eles engenheiros, técnicos agrícolas e profissionais da área social. Extensionistas mais veteranos da antiga Emater-Acre também estavam no plenário da Aleac.


O deputado estadual Edvaldo Souza (PSDC), profundo conhecedor das causas ligadas à extensão rural, fez um discurso de agradecimento e de elogio enaltecendo a importância dos extensionistas no repasse de tecnologias e no processo de conscientização das famílias rurais.

“Não existe produção e produtividade com eficiência, eficácia e efetividade sem o trabalho da extensão rural. O que a população da cidade consome vem do campo, daí o a importância do trabalho do extensionista”, disse Edvaldo Souza.

Em um dos momentos mais vibrantes do seu discurso o deputado Edvaldo Souza fez referência ao falecido extensionista Zaqueu Machado, momento que foi aplaudido pelos presentes no plenário e nas galerias.

“Conheço como poucos o trabalho da extensão rural”, afirmou o parlamentar, lembrando as as dificuldades enfrentadas no dia a dia de todos aqueles que trabalham na extensão rural.
Edvaldo Souza defendeu ainda a valorização desses profissionais enfatizando a questão salarial dos técnicos agrícolas que, para ele, devem ter um salário melhor e por uma questão de justiça também devem ser beneficiados pela Lei Cartaxo.

Da Assessoria

terça-feira, dezembro 06, 2011

Será que o velho Guima vai topar?

Jota Guimarães pode ser o candidato a prefeito de Sena pelo PT



Mais um nome é citado nos bastidores da politica local para a disputa da eleições municipais de 2012, dessa vez o jornalista Jota Guimarães.Ele confirmou a intenção de um grupo forte do PT para que ele seja candidato a prefeito de Sena Madureira no próximo ano, mas foi cauteloso ao falar se aceitaria ou não o desafio de trocar o microfone pela política.

“A única coisa que sei é que a população demonstra não querer mais nada que simbolize a continuidade do atual cenário político devido aos recentes episódios de corrupção que envergonharam a cidade. A frente popular de Sena Madureira precisa apresentar um nome que represente uma causa nova para resgatar a moralidade política local e a alta estima da população.” Ressalta o jornalista.

Jota Guimarães é repórter da TV5, correspondente da Rede Bandeirante e radialista da Rádio Difusora Acreana, já foi diretor de jornalismo e programação da Rádio Difusora de Sena, e sempre participou das coordenações das campanhas eleitorais do Partido dos Trabalhadores ( PT ) no município de Sena Madureira.

Fonte: Acredigital


Governador sanciona projeto de Edvaldo Souza

1

Depois de se reunir várias vezes com representantes da Federação Acreana de Rodeios ouvindo as suas reclamações e anseios, o deputado estadual Edvaldo Souza (PSDC) apresentou projeto de lei que estabelece uma série de critérios para a realização desse tipo de atividade esportiva.

Para o parlamentar era necessário uma normatização que regulamentasse a atividade, a exemplo dos estados mais desenvolvidos, e que estabelecesse medidas a serem cumpridas na forma da lei.

politica_061211_6.jpg
Projeto de Edvaldo Souza estabelece uma
série de critérios para a realização de rodeios

Edvaldo Souza garante que o projeto tem como meta garantir a vida dos competidores como também dos animais utilizados na atividade esportiva.

Aprovado por unanimidade na Assembleia Legislativa, o projeto de lei número 2.459 foi sancionado pelo governador Tião Viana, o que deixou o parlamentar muito satisfeito. Edvaldo disse que o governador foi extremamente consciente e coerente ao sancionar o projeto que agora é lei e deve ser cumprido.

Para os atletas de rodeio tudo é festa. Para o representante da Federação de Rodeios filiada a Federação Nacional, Jesus Silva, o projeto apresentado pelo deputado Edvaldo Souza veio em boa hora. “Temos que ter segurança na atividade que realizamos que é de grande risco. Os animais envolvidos nas competições também devem ser preservados”, disse.

Jesus disse ainda que o deputado Edvaldo Souza tem sido um defensor das causas ligadas ao esporte. Um grande churrasco deverá marcar as comemorações com data ainda a ser definida.

Da Assessoria


O extensionista rural




No dia dedicado ao extensionista rural(06 de dezembro), me peguei pensando durante os longos anos da década de 1980, quando recém-formado em Tecnologia em Heveicultura pela Universidade Federal do Acre, tive que enviar meu currículo para outros estados do Brasil, uma vez, que no Acre, maior produtor gumífero não havia emprego na área. Naquele tempo já era assim.

Fui chamado pela então Emater-Amazonas, hoje Idam, e a partir dali, depois de me submeter a alguns cursos complementares, efetivamente entrei no Serviço de Extensão Rural. Diga-se de passagem naquela época era um bom salário e o estado do Amazonas vivia uma espécie de ápice do Programa da Borracha.

Não era moleza o trabalho muito embora prazeroso. Por melhor que fosse o extensionista, apenas os figurões apareciam nos momentos das homenagens. Subíamos rios dias e dias chegando aos mais longínquos lugares levando a informação, a assistência técnica, as novas tecnologias e fazendo verdadeiramente extensão rural.

A vida era dura. Andava-se de barco e percorria-se trechos enormes a pé até chegar a última família da comunidade. Era assim comigo e com todos os outros extensionsistas. Viagens que duravam de cinco a dez dias em um barco que navegava dia e noite pelo rio Amazonas e igarapés.

Lembro-me bem de encontrar produtores rurais dos altos rios sempre ouvindo os radialistas da rádio nacional, Edelson Moura e Márcia Ferreira. Peixe no médio amazonas nunca foi problema. Um pouco de peixe e farinha solucionava as questões.

O tempo passou, o programa da Borracha não foi o que se esperava e os extensionistas daquela época estão todos de cabelos grisalhos.

Hoje, quando se comemora o dia do Extensionista, me peguei pensando sobre essas questões nos momentos que antecederam o meu discurso na Aleac. Vi e pude abraçar homens e mulheres que fazem da extensão um sacerdócio. Profissionais que sem eles nenhuma política de produção agrícola chega a lugar nenhum.

Só me resta dizer, parabéns!

sábado, dezembro 03, 2011

Projeto de autoria de Edvaldo Souza é sancionado

Depois de se reunir várias vezes com representantes da Federação Acreana de Rodeios ouvindo as suas reclamações e anseios o deputado estadual Edvaldo Souza, PSDC, apresentou projeto de lei que estabelece uma série de critérios para a realização desse tipo de atividade.

Para o parlamentar se fazia necessário uma normatização que regulamentasse a atividade, a exemplo do estados mais desenvolvidos e que estabelecesse medidas a serem cumpridas na forma da lei.

Edvaldo Souza garante que o projeto tem como meta garantir a vida dos competidores como também dos animais utilizados na atividade esportiva.

Aprovado por unanimidade na Assembléia Legislativa, o projeto de lei número 2.459 foi sancionado pelo governador Tião Viana, o que deixou o parlamentar muito satisfeito. Edvaldo disse que o governador foi extremamente consciente e coerente ao sancionar o projeto que agora é lei e deve ser cumprido.

Para os atletas de rodeio tudo é festa. Para o representante da Federação de Rodeios filiada a Federação Nacional, Jesus Silva, o projeto apresentado pelo deputado Edvaldo Souza veio em boa hora. Temos que ter segurança na atividade que realizamos que é de grande risco. Os animais envolvidos nas competições também devem ser preservados.

O presidente da Federação disse ainda que o deputado Edvaldo Souza tem sido um defensor das causas ligadas ao esporte. Um grande churrasco deverá marcar as comemorações com data ainda a ser definida.

quarta-feira, outubro 12, 2011

Nossas crianças, nossos filhos





Hoje é dia de festa em muitas escolas, de brincadeiras, de homenagens as nossas crianças.E hoje me peguei pensando até um tanto saudosista dos meus tempos de menino. Tempos em que não tinhamos televisão no Acre, tempos em que a energia era desligadas as 22:00 horas depois de duas piscadelas de aviso que era o sinal dado pela empresa fornecedora de energia. Tempos de brincadeiras, de corrrer atrás de uma boa pepeta, de jogar as peladas no campo do Tomé Manteiga, brincar de barra, de nos reunirmos no grupo de jovens denominado JAC - Juventude em Ação Comunitária, de aprendermos a tocar violão e também de termos uma visão mais crítica em relação ao Poder.

Talvez não tivessemos a esperteza dos meninos de hoje, que dispõe de toda a tecnologia disponível, assistem novelas com apelo sexual, alguns se acham independentes e donos do próprio nariz. Tempos também de disputas entre a garotada do bairro da base, seis de agosto e bairro do bosque.

Fomos ficando adolescentes e o chamado point de todos nós era a boateca que acontecia no Rio Branco Futebol Clube todos os domingos. Lá, todo mundo se encontrava e azarava as meninas. Qualquer confusão era resolvida no braço mesmo.

Quem não se lembra das retretas, do cine Rio Branco e cine Acre disputando quem era o melhor.

Tempos também em que nós meninos, juntávamos as revistinhas do Superman, Batman, Zorro

e tantos outros herois dos quadrinhos e tentávamos vender na porta do cinema para garantir a entrada e assistir o Giulliano Gema com o filme Dólar Furado.

Já se vão bons anos. A sociedade mudou para pior e nossas crianças se tornam adultos antes do tempo.

Tive o prazer de educar meus filhos juntamente com minha mulher, usando um pouco de tudo. Ela como excelente pedagoga que é sempre defendeu os métodos educacionais. Eu, por outro lado, quando a pedagogia não dava certo, muito raramente, entrava em ação dando umas boas palmadas.

Nada que não se resolva por livre e expontanea pressão. Meus filhos hojes são adultos, homens e os preparamos para a vida. Temos aqui em casa um Bacharel em direito e um médico que luta fora do estado para se preparar o melhor possível. Raramente estamos todos juntos. Mas, hoje eu estou feliz. Todo nós vamos almoçar juntos, o que sinceramente é uma raridade.

Somos uma familia extremamente feliz, e agradecemos a Deus todos os dias por sua generosidade com todos nós.



Feliz dia das crianças!




Um abraço!

Dia do Engenheiro Agrônomo




Hoje, 12 de outubro,, se comemora o dia da padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, o dia da criança e também o dia do engenheiro agrônomo. Profissionais que as vezes não tem o devido reconhecimento pelos relevantes serviços prestados a nação.

Não teremos nunca um país auto-sustentável em produção de alimentos sem a aplicação da tecnologia repassada por esses profissionais que atuam em várias áreas do serviço público, indo da extensão rural até a pesquisa, planejamento, execução e direção.

São eles que levam a informação e as técnicas de plantio, adubação, controle de pragas e doenças ao homem do campo.

Não existe produção e tão pouco produtividade com eficiência, efetividade e eficácia sem a participação desses profissionais.

Hoje, na Associação dos Engenheiros do Acre, uma vasta programação será desenvolvida, tudo regado a muito churrasco. Passarei por lá para conversar com velhos amigos. Marcelino Cunha, engenheiro civil Furtado, O florestal e bom carioca Wladimir, Armando Cacela, Carminda, Soraya, o bravo e competente engenheiro mecânico Aysson Rosas, e tantos outros.

Nada mais justo que também homenagear o blogueiro Walterlúcio Campelo que deu sua contribuição a esse estado enquanto profissional renomado da engenharia.

Vou aproveitar o dia também para fazer minhas preces a Nossa Senhora Aparecida.

Em relação ao dia das crianças, ontem eu já fiz minha parte visitando escolas, uma delas no Quinari, e na medida do possível, colaborando e me tornando amigo da escola.

Um bom feriado a todos.





Deu na Coluna Poronga

Lodo nas canelas

Deputado Edvaldo Souza (PSDC) deplorava ontem o nível do debate na Assembleia Legislativa. Ele acha que a política vira um lodaçal quando o debate descamba para o lado pessoal.

Só se for missão...

Edvaldo desmente qualquer boato de que será candidato a prefeito de Rio Branco. Ele só encararia a disputa se isso lhe fosse dado como missão pelo “comandante do processo”, o governador Tião Viana

domingo, outubro 09, 2011

Deu no Jornal do Rodeio - SP


Deputado apresenta Lei que regulamenta o rodeio no Acre

Preocupação é quanto às regras básicas de segurança relativas aos atletas e animais


O líder do PSDC na Assembléia Legislativa (Aleac), deputado estadual Edvaldo Souza, apresentou, na sessão desta quarta-feira, 21, um projeto de lei que dispõe sobre as normas a serem observadas na promoção e fiscalização da defesa sanitária animal, quando da realização de competições de rodeios.

Em sua justificativa, Edvaldo Souza alegou preocupação com o cumprimento das regras básicas de segurança relativas aos atletas e animais, que segundo o parlamentar, “não são observadas satisfatoriamente”.

Para Edvaldo Souza, na realização desse tipo de competição, deve ser respeitada a legislação, evitando assim, prejuízos aos animais e aos atletas. Ele explicou que o projeto de lei estabelece regras, visando, acima de tudo, a preservação da vida.

“Nossa proposta é que sejam estabelecidos parâmetros dentro da legalidade, garantindo desta forma o verdadeiro cumprimento de nosso ordenamento jurídico, de acordo com o Sistema Nacional de Meio Ambiente, visando sempre a preservação da vida’’, enfatizou.

Edvaldo Souza afirmou ainda que o projeto apresentado beneficia diretamente todos os envolvidos na atividade de rodeios. “Com as regras teremos a certeza que critérios legais serão observados, assegurando assim, mais segurança aos envolvidos no rodeio”, concluiu.

O deputado tem o apoio da FERA e da CNAR, orgãos que representam o esporte a nivel local e nacional.


terça-feira, setembro 27, 2011

Deu na coluna do Evandro Cordeiro

Estrela


Edvaldo Souza (PSDC) é deputado estadual com boa atuação, mas é estrela, por onde passa, pela forma como conduz o Gazeta Alerta há muito tempo. Sábado, num jogo beneficente, deu autógrafos e fotografou com os fãs.

Deu na Tribuna


Dia de atleta

Convidado pelos pastores da Igreja Universal, o deputado Edvaldo Souza (PSDC) fez questão de integrar o time da TV Gazeta que enfrentou a equipe força jovem da Iurd. O motivo é plausível na luta em nível nacional que a Igreja desencadeia contra as drogas. O ginásio da Escola Armando Nogueira ficou completamente lotado de evangélicos para assistir à partida.

Dia de atleta II

Edvaldo Souza continua com sua popularidade em alta. Atendeu a todos gentilmente, tirou fotografias com idosos, jovens e crianças e em sua fala dissertou sobre o papel das igrejas no combate às drogas. Hoje o parlamentar deixa suas atividades de lado para se submeter a uma endoscopia digestiva, de rotina.

segunda-feira, setembro 26, 2011

Driblando o crack

A Igreja Universal realiza uma ampla campanha contra as drogas, especificamente o crack, que por aqui já está disseminado, e como parte dessa campanha um grande evento foi promovido sábado.

A convite dos pastores da Igreja Universal o time da TV Gazeta também se engajou na campanha e deu sua contribuição a sociedade.

Foi uma grande festa religiosa, onde para entrar nas dependências da Escola Armando Nogueira, bastava levar um quilo de alimento.

Estivemos lá. Ginásio da Escola completamente lotado e em clima de festa. O time da TV Gazeta enfrentou a chamada Força Jovem da igreja que jogou como se fosse uma final de copa do mundo.

Ao final do jogo, do qual também participei juntamente com demais jornalistas da Televisão, a alegria era visível no rosto de todos.

É bem verdade que o empate foi o melhor resultado. Resultado maior no meu modesto entendimento é o trabalho de conscientização que vem sendo feito junto a juventude.

As drogas desagregam, dilaceram famílias, matam os nossos jovens e quase sempre, se não tratado a tempo, é um caminho sem volta.

quinta-feira, setembro 22, 2011

O PSDC nos bairros


Está batido o martelo. A meta do Partido Social Democrata Cristão é se fortalecer e lançar candidatura em todos os municípios.Dentro dessa dessa ótica costura-se também o lançamento de candidaturas a prefeito e numa composição política a vice-prefeito na maioria dos municípios.

Os últimos dias tem sido de muito trabalho para todos nós. Executiva e deputados estaduais do partido tem viajado o interior do estado e sacramentado filiações e consolidado pré-candidaturas.

Em Rio Branco o quadro é extremamente favorável, onde o PSDC tem em mãos uma nominata de 36 pré-candidatos a vereador.

Temos trabalhado sem alardes, mas conscientizando as pessoas e falando sobre a importância do projeto político do partido.

Nomes já estão consolidados e lideranças dos chamados partidos tradicionais já fazem parte de nossos quadros, colaborando e alavancando nossas ações.

O PDSC não tem dono e todos participam das discussões objetivando o melhor para o nosso projeto de crescimento e fortalecimento.

Ontem estivemos participando do ato de filiação da senhora Tarcília, uma das mais expressivas lideranças do bairro São Francisco e bairros adjacentes.

No ato de filiação já deu para perceber o quanto vai ser forte a campanha de nossa pré-candidata. Amada e venerada pela comunidade onde mora devido aos serviços prestados ao longo de mais de 30 anos de trabalho, Tarcília pode ser uma das grandes surpresas dessas eleições.

Estivemos lá prestigiando o ato de filiação da pré-candidata como também de seus amigos e seguidores. Ela garante que o objetivo é fazer uma política diferente voltada para os mais humildes.

Deu no Jornal A Gazeta


Deputado apresenta projeto que estabelece regras para rodeios
RUTEMBERG CRISPIM .

O líder do PSDC na Assembléia Legislativa (Aleac), deputado estadual Edvaldo Souza, apresentou, na sessão de ontem, um projeto de lei que dispõe sobre as normas a serem observadas na promoção e fiscalização da defesa sanitária animal, quando da realização de competições de rodeios.

Em sua justificativa, Edvaldo Souza alegou preocupação com o cumprimento das regras básicas de segurança relativas aos atletas e animais, que segundo o parlamentar, “não são observadas satisfatoriamente”.

Para Edvaldo Souza, na realização desse tipo de competição, deve ser respeitada a legislação, evitando assim, prejuízos aos animais e aos atletas. Ele explicou que o projeto de lei estabelece regras, visando, acima de tudo, a preservação da vida.

“Nossa proposta é que sejam estabelecidos parâmetros dentro da legalidade, garantindo desta forma o verdadeiro cumprimento de nosso ordenamento jurídico, de acordo com o Sistema Nacional de Meio Ambiente, visando sempre a preservação da vida’’, enfatizou.

Edvaldo Souza afirmou ainda que o projeto apresentado beneficia diretamente todos os envolvidos na atividade de rodeios. “Com as regras teremos a certeza que critérios legais serão observados, assegurando assim, mais segurança aos envolvidos no rodeio”, concluiu.

terça-feira, setembro 13, 2011

Sensação de impunidade?





Regimes de cumprimento de pena - benefícios

Regime Fechado:

O preso que está cumprindo a pena no regime fechado poderá ter direito aos seguintes benefícios:

Progressão para o regime semiaberto
Remissão da Pena
Livramento Condicional
Permissão de Saída
Indulto
Comutação de Pena
Regime Semiaberto:

Progressão para o regime aberto


Remissão da Pena
livramento Condicional
Indulto
Comutação de Pena
Permissão de Saída
Saídas Temporárias
trabalho Externo
Frequência em curso profissionalizante, ensino médio ou superior

Regime Aberto

Livramento condicional
Indulto
Comutação de Pena



Fonte: diariodeumjuiz.com

segunda-feira, setembro 05, 2011

Pecado capital


Inveja. Eis um dos sentimentos mais torpes e difíceis de serem eliminados da alma humana. Trata-se de um dos vícios que mais causa sofrimento à humanidade. Onde houver apego à materialidade das coisas, notadamente em seu significado, naquilo que o objeto de desejo simboliza em termos de bem-estar e status quo, aí estará a inveja, sobrevoando os pensamentos mais íntimos qual urubu ou abutre insaciável, esfomeado pela carniça. A cobiça é o seu moto-contínuo.

Há pessoas que se colocam como cães de guarda, sempre alertas ao menor ruído. Basta alguém se destacar em alguma área, por mais ínfima que seja e lá estará o invejoso, pronto para apontar o dedo e tentar minimizar o feito de seu próximo. Uma roupa diferente, um calçado da moda ou mesmo um brico ou pulseira bem colocados, já torna-se motivo para elogios, nem sempre sinceros.

Fonte:Viasantos.com

domingo, setembro 04, 2011

Pegando a estrada




Final de semana de muito trabalho. Realizei uma maratona pelo interior do estado começando por Sena Madureira. A Br- 364 nesse trecho está em boas condições de trafegabilidade.

De Sena Madureira até Tarauacá temos trechos de uma pista de boa qualidade
e em outros o motorista tem que ser especialista para desviar o carro dos buracos. Homens e máquinas continuam trabalhando.

Em Feijó, tive que alterar os planos de retornar a Rio Branco no domingo. Uma infecção e muita febre fizeram com que no sábado a noite por volta das dez da noite pegasse a estrada rumo a capital mesmo sendo aconselhado a desistir da ideia. Foram seis horas e meia de muito cuidado com alguns desvios, animais na pista, névoa e também poeira.

Estou me recuperando.Só uma urgência me faria viajar de carro a noite. Nesse caso, foi necessário e garanto que não repetirei a façanha.

Feijó














Em Feijó o PSDC se encontra forte e unido. O diretor da executiva municipal Nilson Gomes informou que o trabalho realizado pelas lideranças do partido tem tido o efeito desejado. Nilson garante que são importantes as ações realizadas na zona rural. A meta segundo o dirigente é eleger no mínimo dois vereadores no município.




PSDC fortalece diretórios no interior

A Executiva Estadual do Partido Social Democrata Cristão esteve visitando os municípios de Sena Madureira, Feijó, Tarauacá e Cruzeiro do Sul visando o fortalecimento dos diretórios municipais com vistas as próximas eleições. A meta do partido e ter uma base composta por no mínimo vinte vereadores.

O deputado Estadual Edvaldo Souza, Gladson Menezes, Afonso Vasconcelos e o engenheiro Assur são uníssonos em afirmar que a palavra de ordem é a união de todos buscando o crescimento do partido.

Edvaldo Souza , deputado do PSDC participou de todas as reuniões. Para o parlamentar se faz necessário que o partido tenha bases sólidas nos municípios e isso só será possível com a participação de todos.

Em Sena Madureira o PSDC já tem bons nomes com chances de garantir uma vaga na Câmara . Em Feijó houve um ato de lançamento e a filiação de várias lideranças que ficaram empolgadas com as propostas defendidas pelo partido.

O lançamento de pré-candidaturas aconteceu na Câmara de Feijó num ato bastante prestigiado.

O presidente do diretório do PSDC em Feijó Nilson Gomes, disse que a aceitação do partido tem sido muito grande no município. Vamos trabalhar dobrado afirmou.

Para o presidente da executiva estadual, Afonso Vasconcelos a interiorização das ações políticas do PSDC já é uma realidade. Temos trabalhado forte para atingirmos objetivos, disse Vasconcelos.

(Assessoria)









segunda-feira, agosto 29, 2011

Arte de amar


















Se queres sentir a felicidade de amar, esquece a tua alma.A alma é que estraga o amor.

Só em Deus ela pode encontrar satisfação.Não noutra alma.Só em Deus - ou fora do mundo. As almas são incomunicáveis.

Deixa o teu corpo entender-se com outro corpo.Porque os corpos se entendem, mas as almas não.

STF põe Lei da ficha limpa na corda bamba

A Lei da Ficha Limpa corre o risco de não valer na eleição municipal de 2012 nem nas que vierem depois. Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) estão pessimistas e preveem que a Corte poderá declarar a regra inconstitucional ao julgar três ações que tramitam há meses no tribunal e que tratam da lei que nasceu de uma iniciativa popular a favor da moralização dos costumes políticos no País.

Em março, o STF decidiu por 6 votos a 5 que a norma não teria validade para a eleição de 2010 porque foi aprovada com menos de um ano de antecedência ao processo eleitoral.

Há uma regra na Constituição Federal segundo a qual modificações desse tipo têm de ser feitas pelo menos um ano antes. Na ocasião, os ministros somente analisaram esse aspecto temporal da lei.

Nos futuros julgamentos, eles deverão debater se a regra está ou não de acordo com a Constituição Federal ao, por exemplo, estabelecer uma punição (inelegibilidade do político) antes de uma condenação definitiva da Justiça.

Os contrários a esse tipo de punição afirmam que ela desrespeita o princípio constitucional da presunção da inocência, ou seja, que ninguém será considerado culpado até uma decisão judicial definitiva e sem chances de recursos.

O entendimento do Supremo será fixado durante o julgamento conjunto de três processos: duas ações declaratórias de constitucionalidade (ADCs) e uma ação direta de inconstitucionalidade (ADI).

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) nacional e o PPS pedem que o tribunal chancele a constitucionalidade da lei. Já a Confederação Nacional das Profissões Liberais (CNPL) quer que a Corte declare inconstitucional um dispositivo da norma segundo o qual são inelegíveis as pessoas excluídas do exercício de profissão em razão de infração ético-profissional.

Aposentadoria. Um dos fatos que mais preocupa a ala de ministros favorável à lei é a saída de Ellen Gracie do tribunal. Uma das maiores defensoras da regra no julgamento de março, Ellen aposentou-se no último dia 8.

A presidente Dilma Rousseff ainda não escolheu o substituto ou a substituta de Gracie. É provável que o assunto Ficha Limpa seja debatido entre integrantes do governo e candidatos à vaga antes da indicação do novo membro do STF.

Ministros do STF defendem que as ações sobre a Ficha Limpa sejam julgadas antes do registro dos candidatos que disputarão a eleição de 2012. Isso evitará a confusão instalada no ano passado. O Supremo decidiu apenas em março, ou seja, cinco meses depois da eleição que a lei não valeria para 2010.

Até hoje existem políticos excluídos da disputa do ano passado tentando garantir a posse em cargos no Legislativo.

São dois os pontos mais polêmicos da lei e que devem consumir grande parte do futuro julgamento no Supremo: o que afasta da disputa eleitoral candidatos condenados, entretanto, que ainda têm chance de recorrer, e o que proíbe a candidatura de políticos condenados antes da entrada em vigor da norma.

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, encaminhou na última quinta-feira pareceres ao STF sobre as ações que discutem a Lei da Ficha Limpa. O Ministério Público Federal defende a regra.

O relator das ações, ministro Luiz Fux, deverá preparar os processos para julgamento e pedir a inclusão na pauta de votação do plenário da Corte.

Autora: Mariângela Gallucci
O Estado de S. Paulo - 29/08/2011

Fonte: diariodeumjuiz.com.br

Saudades dos bons tempos de TV


Fiz uma visita muito rápida hoje pela manhã a Rádio Difusora Acreana. Cumprimentei o diretor geral Antonio José, o radialista e apresentador de radiojornal Júnior César que se preparava para apresentar o Gente em Debate e fui até a redação da Voz das Selvas onde encontrei o sempre bem humorado J. Simplício. Sentamos e jogamos muita conversa fora lembrando dos tempos em que o então galã Simplício era o apresentador oficial do concurso Miss Acre. Lá se vão bons anos.

Para os mais jovens, esse jovem senhor que aparece na fotografia comigo foi um dos precursores da televisão no Acre, sendo na época (década de 70 e início de 80) apresentador de telejornal da TV Acre. Era o Simplício entrar no ar e as moçoilas suspirarem. Também naquele tempo, o bom Simplício, tinha uma vasta cabeleira.

Porém, o tempo é implacável com todos nós.

Email recebido do Conselho do Idoso





Agradeço em meu nome e do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa, ao talentoso jornalista e com 88% na qualidade de apresentador do excelente Gazeta Alerta, pela maneira fidalga e eficaz com que tem tratado a causa dos idosos do nosso Estado, tornando-se assim, um dos mais ferrenhos e confiável defensor daqueles que por muitas vezes são esquecidos pelas autoridades e pasme, na maioria das vezes pela própria família.
Muito obrigado e continue trilhando por este difícil, porém, prazeiroso caminho, que é defender os mais pobres e menos favorecidos . Parabéns Edivaldo Souza, pelo bem que tens feito ao nosso Estado, seja como cidadão/ jornalista/apresentador e Deputado Estadual.




Um grande abraço, Ismael da Cunha Neto.


Nota do blog - Agradeço e não faço mais do que minha obrigação.

quinta-feira, agosto 25, 2011

Em defesa dos idosos




O Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa – CEDI em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social, realizaram inicialmente uma oficina de capacitação dos Conselheiros Estaduais e Municipais, com o objetivo de desempenharem a contento suas atividades nas Conferências Regionais e Estadual.

O objetivo geral das Conferências Regionais foi debater temas relevantes para o campo do envelhecimento, assim como os avanços e desafios da Política Nacional do Idoso, na perspectiva de sua efetivação.

Outros objetivos foram sensibilizar a sociedade para o contexto de envelhecimento da população acreana, mobilizando a população idosa, para a conquista do direito ao envelhecimento com dignidade, bem como, fortalecer o compromisso dos diversos setores da sociedade e do poder público com o atendimento, a defesa e a garantia dos direitos da pessoa idosa, indicando prioridades de atuação para os órgãos governamentais, nas três esferas de governo.

As Conferências foram organizadas em quatro eixos:

I – Envelhecimento e Políticas do Estado: pactuar caminhos intersetoriais;

II – Pessoa idosa: protagonista da conquista e efetivação dos seus direitos;

III – Fortalecimento e integração dos Conselhos: existir, participar, estar ao alcance, comprometer-se com a defesa dos direitos dos idosos e,

IV – Diretrizes Orçamentárias, Plano Integrado e Orçamento Público da União, Estados, Distrito Federal e Municípios: conhecer para exigir; exigir para incluir; fiscalizar.

Assim com os objetivos e eixos acima elencados, foram realizadas as Conferências Regionais, distribuídas em cinco regiões <VALE DO JURUÁ - Municípios de Cruzeiro do Sul, Thaumaturgo, Porto Walter, Mâncio Lima e Rodrigues Alves>, <ENVIRA - Municípios de Tarauacá, Feijó e Jordão>, <PURUS - Municípios de Sena Madureira, Manuel Urbano e Santa Rosa do Purus>, <ALTO ACRE - Municípios de Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia e Xapurí>, <BAIXO ACRE – Municípios de Acrelândia, Bujarí, Capixaba, Plácido de Castro, Porto Acre, Rio Branco e Senador Guiomard>, no período de 04 de julho a 05 de agosto de 2011.

Salientar-se que participaram dessas conferências, pessoas de diferentes origens, com conhecimentos diferenciados sobre as questões, ou sejam: pessoas idosas, representantes dos idosos, técnicos e gestores das políticas. Foram convidados as lideranças locais de grupos, entidades e associações de idosos para identificar e conversar sobre as necessidades locais relacionadas à política dos idosos.

Insta salientar que foram eleitos durante as Conferências, 08 (OITO) delegados para Rio Branco,08 (OITO) para Cruzeiro do Sul e 04 (QUATRO) delegados por município participante, com direito a voz e voto na Conferência Estadual.

Após o relatório das Conferências Regionais, as propostas deliberadas nos municípios foram consolidados para debates na III Conferência Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa, com o tema “O compromisso de todos por um envelhecimento digno no Brasil” a realizar-se no dia 26 de agosto de 2011, no Auditório do prédio novo da OAB/Acre, situado na Rua Ilmar Galvão s/nº na via verde.

Derradeiramente, as propostas/deliberações de cunho local serão encaminhadas ao Excelentíssimo Senhor Prefeito da respectiva cidade para conhecimento e providências cabíveis, as propostas/deliberações de cunho regional ou estadual, serão encaminhadas ao Excelentíssimo Senhor Governador do Estado do Acre para conhecimento e providências que se fizerem necessárias e finalmente as propostas que responderem a uma questão nacional, caso aprovadas na plenária final estadual, deverão ser encaminhadas para a Conferência Nacional, a ser realizada nos dias 23, 24 e 25 de novembro de 2011, em Brasília-DF.


Texto: Dr. Ismael da Cunha Neto, presidente :Estadual do Conselho do Idoso

Os 67 anos da Voz das Selvas



Escrever a respeito da Rádio Difusora Acreana enquanto meio de comunicação e de integração na Amazônia é relatar a história de luta, de dificuldades, de ousadia, dos pioneiros que mesmo enfrentando a falta de tecnologia da época em que a emissora entrou no ar, resolveram apostar e ganharam o jogo pensando num futuro distante.

Me lembro da importância da emissora justamente na época em que por aqui não tínhamos a televisão. Os locutores com seus programas dos mais variados eram verdadeiros artistas da comunicação.

O tempo passou e figuras de proa da comunicação acreana que fizeram da Rádio Difusora Acreana a importante emissora que é principalmente para quem vive na zona rural, nos seringais, já não estão entre nós.

Campos Pereira, Estevão Bimbi, Luis Carlos Periquitão, Marte Rocha, Nivaldo Paiva, J. conde, João Nascimento, compadre Lico, Cícero Moreira e tantos outros já não estão nesse plano.

Poucos da velha guarda continuam na ativa. O jornalista Ilson Nascimento, com mais de 35 anos de serviços prestados, cabelos grisalhos, sempre chegando na redação as 5:30 da manhã é um desses abnegados. O mesmo acontece com o radialista Zezinho Melo, que desde a adolescência tem a RDA como sua segunda casa, Edmar Bezerra, Reginaldo Cordeiro, Rubemar Tavares, M.Costa, Raimundo Fernandes, Paulo Roberto, J. Menezes, entre tantos outros que dão e deram suas vidas em prol de uma causa.

A Difusora Acreana serviu e serve de escola para muita gente. A escola da prática, a escola do dia a dia. Particularmente devo muito do que aprendi como jornalista profissional ao saudoso Campos Pereira. Foi ele que me deu a chance primeira de crescer dentro da comunicação.

Para quem trabalha no rádio os salários não são atrativos. São defasados e em se tratando de RDA a questão tem que ser vista como prioridade pelo executivo.

Penso e defendo que a Rádio Difusora Acreana tem que ter vida própria, plano de cargos e salários para seus funcionários que devem ser pagos dignamente.

A Rádio Difusora, no meu entender, não pode ficar vinculada ou dependente de migalhas de qualquer instituição pública. A direção, seja ela qual for, deveria ter poder de gerenciar e decidir sobre suas prioridades. Porém, esse tipo de gestão só será possível no dia que entenderem que a emissora deve caminhar e gerir seu próprio destino.

Enquanto isso não acontece, os problemas continuam, principalmente no que diz respeito a questão salarial.

Durante 12 anos fui apresentador do Jornal Difusora, o que muito me honra. Acordava as cinco da manhã para juntamente com o editor-chefe Ilson Nascimento e demais repórteres levar as informações em Rede Estadual.

São 67 anos de fundação da Rádio Difusora Acreana.

Parabéns a todos os profissionais que lá trabalham. Do mais humilde ao mais graduado.

quarta-feira, agosto 24, 2011

Deu na coluna do Evandro Cordeiro


Nome em evidência

Edvaldo Souza é deputado estadual novato, mas um furacão de popularidade no Acre, onde apresenta programa de televisão há muito tempo. Talvez por isso aparece em recente pesquisa como um dos fortes nome na disputa pela prefeitura da capital. E ele, cá entre nós, nunca disse a ninguém que será candidato.


Só dentista

Flagrado caminhando pelos corredores da Aleac com o dentista André Maia (PT) a tiracolo, foi perguntado ao deputado Edvaldo Souza (PSDC) se o rapaz é seu candidato a prefeito no Quinari. Rápido no gatilho e tal qual evasivo, arrematou: “Ele é meu dentista”.

O prédio da Aleac tremeu





Por volta das 14:30 horas estava em meu gabinete na Assembléia Legislativa atendendo a um grupo de estudantes do bairro calafate. Os jovens realizaram uma longa entrevista comigo.
Falei deste a minha infância, dificuldades, trajetória ,Gazeta Alerta e também da minha atuação como parlamentar.

Foi uma excelente conversa. Porém, para nosso espanto sentimos o prédio da Assembléia Legislativa balançar. Encerrei a entrevista e descemos apressados as escadas do prédio.
Efetivamente o prédio tremeu. Significa dizer que tivemos um abalo sísmico em algum lugar da região amazônica.


terça-feira, agosto 23, 2011

Edvaldo Souza à frente nas pesquisas


Preliminares

Pesquisas para consumo interno da Frente Popular trazem o seguinte prognóstico: A primeira colocação entre os governistas não é de Perpétua Almeida, mas de Edvaldo Souza, do PSDC. Alguns nomes de petistas apresentados ao eleitor nem sequer são conhecidos.

A chance

O deputado Edvaldo Souza, conforme o levantamento, seria o único com chances de provocar um segundo turno com Tião Bocalom (PSDB) neste momento, a um ano da eleição.
Quentinhas da Redação


Fonte: Blogue Fala Baixada





















O movimento do tabuleiro

Mesmo sabendo que as pesquisas de intenção de voto retratam uma situação de momento, o Jornal A Tribuna em parceira com o Data Control apresentam uma prévia da situação dos pretensos candidatos a prefeitura de Rio Branco.

Fico satisfeito em verificar que meu nome apresenta-se com um bom percentual de aceitação dentro da Frente Popular, mesmo não tendo declarado a quem quer seja a intenção de ser candidato a prefeito.

Significa dizer que as minhas ações e trabalhos realizados na perifeira estão surtindo o efeito desejado e demonstram o carinho das populações mais carentes por esse modesto deputado estadual e aprendiz de blogueiro.

Até as eleições muitas definições deverão acontecer e surpresas no jogo sucessório não estão descartadas. Faz parte da política, da democracia.

Pelo sim, pelo não, as pesquisas deixam muita gente alegre e um outro tanto bastante triste.

Deu no site Agazeta.net

DataControl: Bocalom lidera intenção de votos para prefeitura da Capital

E-mailImprimirPDF
Na pesquisa espontânea, em segundo lugar aparece Márcio Bittar

montagem-Bocalom-X-Marcio-Bittar-x-Segio-PetecaoTião Bocalom, Sérgio Petecão e Marcio Bittar encabeçam preferência do eleitor (Foto: montagem/Enarde Fernandes/Agazeta.net)

Segundo pesquisa do DataControl/Atribuna,divulgada na edição desta terça, 23, Tião Bocalom (PSDB) lidera as intenções de votos para a prefeitura de Rio Branco. Na pesquisa espontânea, em segundo lugar aparece Márcio Bittar. Na sequência aparecem Sérgio Petecão, Angelim, Binho Marques, Perpétua Almeida, Jorge Viana, Edvaldo Souza, João Correia
e Henrique Afonso.

Na estimulada, onde os supostos nomes de candidatos são mostrados ao eleitor, algumas posições se invertem, exceto o primeiro e segundo lugares: Bocalom aparece novamente em primeiro seguido de Márcio Bittar, Binho Marques, Edvaldo Souza, Perpétua Almeida, Fernando Melo, Sibá Machado, Ney Amorim João Correia e Henrique Afonso.

Segundo ainda a pesquisa, 72,3% dos entrevistados afirmaram que ainda não sabem em quem vão votar para prefeito em 2012. Outro destaque do levantamento é que 60% dos pesquisados preferem um político no comando da prefeitura contra 28,5% de um prefeito apenas com característica técnicas.

Adobe Flash Player Não est� instalado ou está em uma versão mais antiga que 9.0.115!
Baixe aqui

Adobe Flash Player Não est� instalado ou está em uma versão mais antiga que 9.0.115!