terça-feira, julho 29, 2014

No AM, senador é acusado de agredir fotógrafo

Josias de Souza
Compartilhe4665
 Imprimir Comunicar erro
Líder do governo no Senado e candidato ao governo do Amazonas, o senador Eduardo Braga (PMDB) foi acusado de agredir um fotógrafo amador durante carreata no município de Maraã. Deu-se no último domingo (27). Registrado em vídeo, o incidente foi admitido por Braga em dois textos veiculados na internet. O senador alegou que o fotógrafo, chamado Joel Reis da Silva, o espionava, supostamente a serviço de adversários políticos.
Nesta segunda-feira (28), Joel Reis comunicou o ocorrido ao Ministério Público Federal. Num dos textos que levou à web, Eduardo Braga anotou que, acompanhado de “caravana”, visitou no final de semana cidades da região amazonense do Alto Solimões. Disse ter notado uma anomalia. “Em todos os municípios havia uma pessoa filmando tudo e, principalmente, todos.”
Segundo o senador, o objetivo seria o de “identificar servidores públicos simpatizantes” de sua candidatura, para “justificar futuras perseguições nas repartições e órgãos do governo…” O principal antagonista de Eduardo Braga é o governador amazonense José Melo de Oliveira (Pros), candidato à reeleição.
Na cidade de Maraã, Eduardo Braga disse ter decidido “tomar uma atitude”. Interrompeu a carreata, desceu do veículo e abordou Joel Reis. Segundo o fotógrafo, o senador aplicou-lhe uma “gravata”, perguntou quem havia encomendado as imagens e “tentou puxar a máquina” fotográfica do seu pescoço.
Na versão de Eduardo Braga, a gravata virou um abraço. “Abracei ele e disse: ‘Por que você não faz uma imagem nossa? Quem sabe assim você também será perseguido e perderá seu emprego.” Joel Reis disse ter informado ao senador que não estava a serviço de ninguém e que tirar fotos não é crime.
O fotógrafo acrescentou que foi ameaçado por um correligionário de Eduardo Braga, o candidato a deputado federal Sabino Castelo Branco (PTB). De resto, afirmou que um motorista do senador também puxou a máquina, tentando arrancá-la do seu pescoço.
Num segundo texto que levou à internet, Eduardo Braga descreveu a cena assim: “Um companheiro de nossa equipe não entendeu a situação e tentou tirar a câmera do rapaz. Impedi e disse: ‘Não, não faça isso. Larga a câmera dele’. Nesse momento, outro indivíduo também gravava.” Joel Reis admite ter ficado com a máquina. Mas disse que o equipamento foi danificado.
A filmagem foi entregue ao Ministério Público. E ganhou a internet. Nela, um membro da comitiva do senador aparece tapando com a mão a lente da câmera, obstruindo a gravação. “Infelizmente, nossos adversários editaram o vídeo que registrou esta cena, escondendo o final dela”, anotu Eduardo Baga. “O fato é que tudo terminou com o fotógrafo mantendo o seu equipamento e o cinegrafista com o seu material captado.”
Em sua manifestação perante o Ministério Público (leia abaixo), Joel Reis disse ter deixado a cidade de Maraã. Foi para a capital amazonense, Manaus. Considerando-se ameaçado, pediu proteção de vida. Eduardo Braga rebate afirmando que sua campanha é que vem sendo alvo de “perseguição”. Escreveu: “Centenas de famílias já sofrem com as demissões injustas, por simplesmente exercerem o democrático direito de opção política.”
O senador acrescentou: “De forma orquestrada, postaram nas redes sociais um vídeo feito por pessoas pagas para identificar servidores públicos que, espontaneamente e fora de seus horários de trabalho, participavam em um comício que realizamos em Maraã. Isso, na verdade, tem sido uma prática costumeira em todos os municípios por onde temos discutido nossas ideias e programa de governo.”
O senador prosseguiu: “Chegaram ao ponto de instalar câmera da polícia em frente ao nosso comitê para espionagem. A Justiça já reconheceu o abuso de poder e o propósito político, determinando a retirada imediata do equipamento.” Referia-se a umdespacho do juiz auxiliar do TRE do Amazonas, Márcio Meirelles de Miranda.
No despacho, assinado no domingo (27), o magistrado ordenou a retirada, no prazo de 24 horas, de uma câmera de vigilância instalada por órgão da Secretaria de Segurança Pública do governo amazonense num poste defronte da entrada do comitê eleitoral de Eduardo Braga, em Manaus.
“De fato os argumentos apresentados pela coligação requerente [de Eduardo Braga], revelam uma grave conduta antidemocrática de espionagem eleitoral que, se confirmados, implicariam em grave e inegável violação ao direito de intimidade”, escreveu o juiz Márcio de Miranda em sua decisão.
Ouvido, o governo de José Melo, o rival de Eduardo Braga, informou, por meio de sua assessoria de comunicação, que a decisão judicial será cumprida. A câmera será instalada noutro ponto da rua onde funciona o comitê do senador. “Esse é um projeto da Secretaria de Segurança Pública para monitorar as ruas de Manaus, não comitê de campanha”, alegou o governo do Amazonas.
E Eduardo Braga: “Não tememos o jogo sujo e sorrateiro do nosso adversário. Nosso caminho é outro. É o da verdade.” Como se vê, está animada a corrida pelo governo amazonense.

quinta-feira, julho 24, 2014

Edvaldo denuncia precariedade de ramais na Transacreana

Ray Melo, da editoria de política de ac24horas - raymelo.ac@gmail.com23/07/2014 11:47:43
  
O deputado estadual Edvaldo Souza (PSDC) denunciou na manhã desta quarta-feira (23), que os ramais da estrada Transacreana estariam abandonados. A denúncia foi apresentada pelos produtores rurais que solicitaram uma visita do parlamentar para constatar a situação precária dos ramais da localidade.
Edvaldo Souza visitou os produtores do ramal Beija-flor. Ele ouviu relatos e pode constatar a veracidade da denúncia dos trabalhadores. “Quando começar o período de chuvas, o ramal ficará intrafegável. Até o momento nenhuma melhoria foi feita pelo poder público”, destaca o parlamentar.
edvaldo_03
O parlamentar informou às famílias do ramal Beija-flor que levará a reivindicação dos produtores ao Deracre. “Vou solicitar que o ramal seja incluído no programa Ramais do Povo. Dezenas de pessoas que moram na área. Todos os anos, eles enfrentam sérios problemas para escoamento da produção agrícola”.


Segundo Edvaldo Souza, é necessário uma intervenção urgente do governo do Acre na situação dos ramais. “O governo precisa solucionar os problemas vividos pelos agricultores da área. Eles passam por sérias dificuldades para escoar a produção e até mesmo para se deslocar em busca de atendimento de saúde”.

quarta-feira, julho 16, 2014




                            Vamos acreditar!





                 A  Br-364 e a cheia do Madeira


Passado alguns meses após a cheia do rio Madeira que deixou completamente isolado o estado do Acre, causou desabastecimento de gêneros alimentícios e destruiu boa parte do leito da rodovia, causa espanto a morosidade do Governo Federal em agir de forma célere para a recuperação dos trechos destruídos da estrada  pela qual temos acesso a outras regiões do  País.

O silêncio de boa parte da classe política da área federal começa a incomodar à medida que poucas ações estão sendo encaminhadas nesse sentido.

Daqui a alguns meses o  rigoroso inverno amazônico estará de volta e corremos o risco de vivenciar os mesmos problemas que prejudicaram a todos os acrianos e principalmente os pequenos e médios empresários.

O momento é de sair do estado de inércia e buscar alternativas junto ao Governo Federal, caso contrário em breve os mesmos problemas estarão de volta.


Eu cá com meus botões fico a me perguntar: quando que a tal ponte sobre o rio Abunã será construída?

quarta-feira, julho 09, 2014

                             Mudança no visual do blog

Fizemos algumas mudanças no visual do blog. Fica claro, que devido ao processo eleitoral vou usar essa ferramenta como forma de interagir com a comunidade.

Não vou ficar aqui escrevendo somente a respeito de política. Outros assuntos também serão abordados.

Não vou poupar os compradores de votos, os mercadores da boa fé e os vendedores de ilusão.

A população tem que entender que voto não tem preço, tem conseqüência.

Se aparecer alguém na sua casa oferecendo vantagens em dinheiro, desconfie.
Pode ter  certeza que  dinheiro  dado ou que pode ser dado, não sai do bolso do comprador de votos. É dinheiro seu, dos seus vizinhos, dos seus amigos, enfim dinheiro do povo!


Para esses, fique atento! São os chamados ladrões profissionais, que querem roubar a sua consciência.

quinta-feira, julho 03, 2014

O soldado bombeiro que salvou vidas no incêndio da Assembleia Legislativa em 1992.


A semana que estamos vivendo  é uma semana muito especial para os integrantes do Corpo de Bombeiros. É uma semana de comemorações, de apresentar e relatar o verdadeiro valor de um bombeiro.

Nesta quinta-feira,em uma sessão solene na Assembleia Legislativa, esses homens e mulheres que salvam vidas e que são preparados para atividades de altíssimo risco foram homenageados.
Fico aqui imaginando quantos desses profissionais já foram exaltados pela bravura, coragem, determinação, condecorados e que posteriormente são esquecidos pela sociedade.

Hoje, tive a honra de conhecer um dos soldados que colocou a vida em risco para salvar a de terceiros no incêndio que aconteceu na  Aleac no ano de 1992.

O então soldado Batista e seu colega de corporação Almeida, que hoje é subtenente  da reserva, fizeram o resgate de pessoas que estavam no topo do prédio em chamas.

O corajoso soldado Batista, estudou, se preparou para a vida e hoje é tenente-coronel do Corpo de Bombeiros do Acre.


É uma prova viva que não existem dificuldades para quem tem objetivos na vida e quer vencer por mérito próprio.

Fiz questão de tirar uma foto com o coronel Batista, que me cumprimentou e me abraçou fraternalmente.


Parabéns aos Bombeiros do Acre.








quarta-feira, julho 02, 2014

                     Representantes da Ufac vão a Aleac


Por meio de um requerimento de minha autoria o reitor Minoru Kimpara e a vice-reitora Guida Aquino estiveram participando de uma audiência na Assembleia Legislativa onde fizeram uma abordagem sobre a realização da reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência que será realizada no Acre no período de 22 a 27 de julho.

Cientistas de todo o mundo estarão participando do evento onde a ciência e a tecnologia, resultado de anos de pesquisa são apresentados.

Estima-se que três mil pessoas participarão da reunião anual da SBPC. No caso do Acre, os organizadores informaram que os hotéis estão com suas reservas esgotadas.

Pesquisadores da China, Europa e Estados Unidos confirmaram presença.


Pelo menos dez mil pessoas deverão circular diariamente pelos corredores da Ufac.



Deputados recebem Minoru Kinpara hoje para falar sobre evento da SBPC

Postado em 01/07/2014 21:11:56

Os deputados estaduais recebem hoje, dia 1º, em plenário, o reitor da Universidade Federal do Acre (Ufac), Minoru Kinpara, e organizadores da 66ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). O evento reunirá pesquisadores do Brasil e do mundo. A reunião será realizada na instituição nos dias 22 a 27 de julho.
O requerimento para a visita de Minoru Kinpara e da equipe organizadora é de autoria do deputado Edvaldo Souza (PSDC). Os parlamentares querem saber como estão os preparativos para a realização do evento e manifestar apoio ao reitor pelo empenho de sediar uma reunião dessa natureza. Nela, se discutirá, além de ciência e tecnologia, muitas políticas públicas. Isso porque terá a presença de ministros de Estado e também a possível participação de políticos presidenciáveis para a República.
“Falamos muito pouco sobre isso. Acredito que a ciência e a educação devem ser prioridade aqui nessa Casa. Esse é um assunto importante para todos nós e para a comunidade acadêmica”.
Edvaldo Souza disse que são esperados para o ato 3 mil pesquisadores e estudantes de outras nacionalidades. Segundo ele, as reservas de hotéis em Rio Branco já estão se esgotando para este período. “Teremos aqui pesquisadores da China, dos Estados Unidos e de diversas partes do mundo”, acentuou o deputado.
Ainda em sua fala, o parlamentar aproveitou para elogiar a administração do prefeito Marcus Alexandre (PT). Souza disse que não é vereador, mas tem procurado ajudar o prefeito em sua administração. Ele citou o exemplo de um fato ocorrido no bairro Vitória, em Rio Branco. O parlamentar salientou que o prefeito, ao ser informado por ele sobre o problema, o atendeu de pronto. “Marcus Alexandre cumpre o que diz. É difícil ver um político assim”, disse Edvaldo Souza ao finalizar seu discurso.

terça-feira, julho 01, 2014



  •                            Boca no trombone!!!


  • Vanessa Alves
    Vanessa Alves
    Olá deputado,boa noite. Quero registrar a minha indignação com a demora no atendimento no Hospital das Clinicas do Acre. Minha mãe aguarda há 10 meses desde 04/09/2013 por exame de raio-x da coluna lombar e cervical.É UM ABSURDO ESSA SAÚDE!

Edvaldo critica falta de deputados na Aleac; Santiago garante sessões no período eleitoral

Presidente da Aleac afirmou que as sessões não estão sendo prejudicadas por conta do calendário eleitoral.
  
edvaldo-elson
Deputados Edvaldo Souza e Élson Santiago



Ao usar a tribuna da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) na manhã de terça-feira (1°) para discursar, o deputado Edvaldo Souza se queixou do número reduzido de deputados presentes às sessões realizadas no parlamento acreano.

“Está ficando cada vez mais difícil fazer sessão aqui. O número de deputados é cada vez mais reduzido”, afirmou.
Souza queixou-se diante de 8 dos 24 deputados que compõem a Aleac. Nem mesmo deputados que compõem a Mesa Diretora da casa legislativa estiveram presentes à sessão.
Para o primeiro-secretário da Mesa Diretora, deputado Ney Amorim (PT), não houve necessidade de garantir quórum na sessão de terça-feira. Ele diz que os deputados têm mantido a rotina normalmente.
“Os deputados estavam na Casa, mas naquele momento, alguns estavam em sala de reuniões, outros, em seus gabinetes”, frisou.
O presidente da Mesa Diretora da Aleac, deputado Élson Santiago (PEN), afirmou que as sessões não estão sendo prejudicadas por conta do calendário eleitoral e garantiu que mesmo após o dia 5 de julho, data que marca o início da campanha, o expediente legislativo será normal.
“Se estão recebendo integralmente, então, também terão que trabalhar integralmente. Manteremos o expediente normal”, diz.

Edvaldo Souza vistoria obras de ramais na zona rural de Rio Branco

Da editoria de política de ac24horas30/06/2014 22:20:18
  
Depois de reivindicar junto a prefeitura de Rio Branco a recuperação dos ramais situados no Projeto de Desenvolvimento Sustentável Baixa Verde e obter a garantia do prefeito Marcos Alexandre de que as obras seriam realizadas no menor espaço de tempo, o deputado estadual Edvaldo Souza ( PSDC), passou a manhã de ontem vistoriando e analisando a qualidade dos trabalhos que estão sendo realizados.
O parlamentar esteve  nos ramais mediterrâneo, da lua, São Francisco, da capela, Baixa Verde e Quinoá. Na oportunidade, aproveitou para conversar com os produtores rurais e pediu a eles opinião quanto a execução dos trabalhos.
edvald02
Edvaldo Souza, ficou satisfeito com o que viu. “ O prefeito Marcos Alexandre, garantiu e está cumprindo o que foi acertado em reunião junto a comunidade”  atendendo minha reivindicação.
Os trabalhos estão em fase bastante avançada, mas alguns dias de trabalho serão necessários para a conclusão dos serviços.
“Ramais trafegáveis são prioridade para o escoamento da produção, para as crianças irem a escola, enfim para a própria mobilidade da comunidade” disse Edvaldo Souza.


Durante a visita o  deputado conversou com moradores da localidade e asseverou que a meta da Prefeitura e garantir que os ramais fiquem trafegáveis durante o período das chuvas.