terça-feira, agosto 30, 2016




                           Sem espernear



Pesquisa divulgada causou um certo mal estar nos candidatos que aparecem com números desalentadores em relação ao primeiro lugar, que largou na ponta de forma absoluta.

Não adianta criticar os números. É colocar o pé na estrada e procurar os votos que estão por aí livre e soltos.

Se bem, que o tempo é muito curto. Sem dinheiro e com a fiscalização  de olho nos compradores de voto, a situação se complica.


Vamos aguardar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário