terça-feira, maio 20, 2014

Deu no site Agazeta.net

Situação de ramais é alvo de críticas de governistas na Aleac

thumb edvaldo-souza

Um relatório produzido por entidades ligadas aos movimentos sociais, enviado esta semana à Assembleia Legislativa, aponta a situação precária de ramais em vários municípios do interior do estado.
Sem condições de tráfego, as comunidades ficam isoladas. O escoamento da produção rural não acontece, causando enormes prejuízos. Estudantes deixam de frequentar as aulas. Pacientes não podem receber socorro médico porque as ambulância não chegam.
Na Tribuna da Assembleia, deputados da própria base do governo criticaram a falta de atenção do poder público para com o problema, e cobraram providências.
“Os produtores pedem socorro. Vários documentos já forma enviados a quem de direito, ao Deracre, à prefeitura, ao governo do estado, e apenas trabalhos paliativos foram feitos”, afirma o deputado Edvaldo Sousa(PSDC).
O líder do PT na Assembleia, deputado Geraldo Pereira, saiu em defesa do governo, afirmando que a zona rural tem sido prioridade na atual gestão, e que vários investimentos já foram feitos no sentido de elevar o nível de qualidade de vida do homem do campo.
“ Oito quilômetros de bueiro será construidos, são mil e quinhentos metros de pontes de madeira, o governo vai abrir ainda setenta e quatro quilômetros de novos ramais, e piçarrar cento e um quilômetros de ramais. É um investimento de sessenta milhões de reais”, destacou Pereira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário