quinta-feira, agosto 08, 2013

Edvaldo Souza quer abrir a caixa preta do Detran/Acre

8 de agosto de 2013 - 11:21:21
Ray Melo, da redação de ac24horas
raymelo.ac@gmail.com
A aplicação exagerada de multas pela fiscalização eletrônica voltou a pautas os debates na Aleac. O deputado Edvaldo Souza (PSDC) apresentou um requerimento na manhã desta quinta-feira (8) propondo a abertura da caixa preta do Detran, quanto aos valores arrecadados com as multas dos radares que foram instalados em diversos pontos de Rio Branco.
“Estou aqui devidamente municiado de documentos, com as reivindicações das pessoas que foram vítimas da indústria de multas do Detran. Ninguém aguenta mais as multas impostas pelo Detran. E ainda tem muita gente que bate palma, diz que está legal, mas estão esquecendo a função educativa da instituição”, diz Edvaldo Souza.
Segundo o deputado da base de governo, o Detran deixou de ser o órgão fiscalizado e pedagógico para se transformar numa instituição que tem como máxima arrecadar dinheiro. O parlamentar questionou ainda o excesso de burocracia para os condutores protocolarem uma defesa sobre as infrações de trânsito, quando procuram a corregedoria do Detran.
“São muitas as reclamações de pessoas que veem suas reivindicações esbarrarem na burocracia na hora que tentam recorrer das multas”, diz Edvaldo Souza, que questiona: “A quem interessa tantos radares espalhados por toda a cidade. Parece até pegadinha. Eu não quero crer que a ordem para multar tenha partido da Casa Rosada”, enfatiza.
Edvaldo Souza rebate ainda as informações da instituição que teria apresentado que os números de acidentes diminuíram após a instalação dos radares. “É uma grande falácia. Os programas de notícias não revelam esta diminuição. Eu vejo com extrema preocupação esta indústria das multas. Para onde está indo este dinheiro?”, questiona.
O parlamentar insistiu da necessidade de abrir a caixa preta do Detran. Saber como funciona internamente o sistema de arrecadação dos pardais. Souza quer saber o valor do contrato com a empresa, qual o valor de cada equipamento, quais os valores arrecadados com multas proveniente dos radares e qual o valor arrecadado em 2012 e 2013.
A partir das informações, Edvaldo Souza quer fazer o cruzamento destes dados e saber para onde está indo o dinheiro e quanto o Detran faturou no ano passado e este ano com as multas. “Enquanto tem agentes de trânsito em todos os lugares aplicando multas, nós não encontramos um único policial para proteger nossa família”, finaliza o parlamentar
O requerimento já recebeu 11 assinaturas dos deputados estaduais.



Nenhum comentário:

Postar um comentário